.Moda de Subculturas - Moda e Cultura Alternativa.: Fevereiro 2011

26 de fevereiro de 2011

Estilo Império na Moda Alternativa Feminina

A moda feminina do começo do século XIX, chamada de "Império", não costuma ser comum no cenário alternativo, tanto nas roupas vendidas em lojas,  quanto no desenvolvimento de figurinos para picnics vitorianos/históricos ou mesmo na concepção de um look para eventos do tipo WGT.
O corte de cintura alta logo abaixo do busto é até comum de ver em algumas roupas, mas unido com a fluidez necessária para se caracterizar como um "verdadeiro" estilo império, é raro. No cenário alternativo, normalmente a cintura império vem acompanhada de saias armadas ao estilo bailarina.

Quando pensei em um "estilo império no cenário alternativo" para essa postagem, minha primeira memória foram as fotos da preparação do casamento da fotógrafa belga Viona Ielegems. Na postagem sobre a moda Império eu disse que esse estilo é bastante comum em vestidos de noiva modernos.
Viona, que trabalha com figurino, nunca fotografou específicamente a moda império sendo usada por pessoas alternativas, mas ela mesma, sendo uma moça que tem um background gótico e que foi uma das criadoras do picnic vitoriano do WGT, é um perfeito - e quase único - exemplo de moda império nas subculturas. Na segunda foto inclusive, seu marido está vestido como um dandi. Belas reproduções da época.


Um raro exemplo de figurino império em evento alternativo:


O interessante é que a moda Império é um tipo de figurino histórico perfeito pro nosso clima tropical. Denair, uma das criadoras e organizadoras do Picnic Vitoriano Curtitiba reproduziu um figurino do Diretório para o "2º Picnic Vitoriano e Século XVIII", baseado na obra "Emilie Serizait and Her Son".


Para quem é alternativo e tem filhas, esse não é um estilo perfeito para as garotinhas? Fresco e leve, para que possam correr e brincar enquanto os pais se divertem no picnic histórico. E o mais legal é que o modelo fica bem em qualquer cor e tecido.


Curiosamente, a moda masculina do começo do século XIX, o chamado estilo dandi, faz muito sucesso na moda alternativa e tem muitos adeptos do visual nas subculturas. É o que vou mostrar na próxima postagem.

Para ler sobre a moda do Estilo Império, clique aqui.
Mais postagens sobre moda histórica e subculturas, clique aqui.

23 de fevereiro de 2011

O Século XVIII e XIX : Diretório, Império e Regência

A moda do final do século XVIII e começo do século XIX na França, se divide em três períodos: o primeiro, de 1789 a 1799, chamado de Diretório, foi um período de mudança brusca nas vestimentas. O segundo período, de 1800 a 1815, é a época da chamada “moda Império”, baseada na silhueta neoclássica. De 1815 a 1825, ocorre o período final do Neoclássico, chamado de Regência, cuja moda muda gradualmente para o estilo romântico.

Para ler a postagem sobre A Moda na Diretório, Império e Regência , você precisa ser redirecionado ao meu novo blog, exclusivo sobre História da Moda. Clique na imagem abaixo para acessar o blog e o link do post:




Mais postagens sobre história da moda no link Moda Histórica.
O texto foi escrito pela autora do blog de acordo com pesquisas em livros de Moda lançados no Brasil e no exterior. Se forem usar o texto na íntegra para trabalhos ou sites, citem o blog como fonte. Leiam livros de Moda para mais informações e detalhes.

Desfiles: London Fashion Week AW2011

Sempre posto desfiles mainstream aqui no blog. Obviamente não é à toa. Seleciono os desfiles e as imagens que tem a ver com o propósito do blog: dark glamour, alguma referência à moda de subculturas ou ainda desfiles que apresentam roupas que podem ser usadas por pessoas alternativas.

É também me baseando na possibilidade de mostrar que nem sempre precisamos estar presos à um estilo, a um estereótipo subcultural, que muitas roupas são adaptáveis ao nosso guarda roupa alternativo. Isso é necessário porque as marcas alternativas ainda não tem  espaço diversificado pra roupas "adultas" em seus catálogos e também... porque não consumir o que é belo, independente de marcas, grifes ou guetos?



London Fashion Week

John Rocha:
Adorei as botas.


Giles:
Dark Glamour


Mark Fast: 
Roqueira rebelde.


Julien Macdonald:
Modelos com semblante sério, sobrancelhas descoloridas. Perfeito para a adolescente gótica que virou uma jovem adulta com muito estilo e personalidade.


Pin It button on image hover