.Moda de Subculturas - Moda e Cultura Alternativa.: Vestido Vandinha Addams (Wednesday Addams Dress)

7 de outubro de 2015

Vestido Vandinha Addams (Wednesday Addams Dress)

Vocês já devem ter visto por aí a febre que se tornou o "vestido Vandinha Addams", em parte por causa da moda Witchy e também por estar em voga a década de 1990. Aproveitando o Dia das Crianças e o mês do Halloween, vamos contar um pouco da história dessa peça tão emblemática aos alternativos.

A famosa roupa é um vestido preto em linha A com gola Peter Pan. Sobre a gola redonda, o traje que a lançou remonta à 1905, quando Maude Adams interpretou Peter Pan na Broadway. A gola foi exclusiva para essa produção, embora no ano de 1900 na França, na publicação Claudine à l'école, o personagem usasse modelo semelhante que virou tendência entre as francesas. Curiosamente, John White Alexander, um dos figurinistas de Maude Adams, morava no país neste período. 
Em 1907 a vestimenta aparece em trajes femininos como uma opção às golas engomadas. Na década de 1920, se torna como algo "normal" nos vestidos das meninas, associado à inocência juvenil que persiste ainda hoje. Sendo o cartoon da Família Addams criado em 1932, é bem provável que a inspiração de Charles Addams tenha vindo dos anos 1920 já que o vestido era comum para as meninas dessa fase.
Nas décadas seguintes, a gola vai e vem na moda. Em 1990 reaparece no grunge e atualmente o estilo está em ebulição na moda alternativa.  


Vandinha Addams se tornou tão associada ao traje que na cena alternativa o vestido é conhecido pelo seu nome.

Desenho original da Família Addams

Seriado de 1964

Lisa Loring: a primeira intérprete de Vandinha na tv

A gola e a modelagem também se assemelha ao traje Little Lord Fauntleroy usado por meninos no século XIX e começo do XX.

A vestimenta logo se transformaria em referência dos grandes estilistas europeus. No filme A Bela da Tarde, de 1967, o figurino assinado por Yves Saint Laurent coloca Catherine Deneuve usando modelo semelhante, só que conhecido pelo nome de "school girl dress".


Chanel também fez sua versão utilizada por Deneuve. Anos atrás, Kate Middleton vestindo Topshop, mostrando o lado clássico e popular da peça

Nos anos 1990, o vestido adentra a moda alternativa com ajuda de Courtney Love e o kinderwhore, porém voltado a um novo olhar, mais angelical, estilo babydoll e misturado a elementos de rebeldia.


Courtney Love ressignificando o modelo

A roqueira tem sido influencia nas últimas coleções de Hedi Slimane para Saint Laurent, trazendo um conceito diferente do que o próprio YSL fez quando assinou o figurino de A Bela da Tarde.

 Inverno 2013, Inverno 2014 e Verão 2015

Na mesma era do Grunge, é lançado o filme da Família Addams que quebrou recordes de bilheteria nos três primeiros dias de lançamento, sendo um grande sucesso de público tanto alternativo quanto mainstream. Unindo o interesse por temas místicos e sombrios da época, o visual da caçula ganhou bastante evidência na moda noventista.

O figurino de Vandinha agora tem estampas e é interpretada por Christina Ricci

Poses similares em diferentes fases

"Essa é minha fantasia, eu sou um maníaco homicida.
Eles aparentam como qualquer um."

Winona Ryder no filme "Minha Mãe é uma Sereia". Anos depois a atriz aparece com uma versão atual da peça

O que estava no auge deu uma enfraquecida e por um bom tempo a roupa ficou em evidência como fantasia de Halloween, era difícil encontrar em coleções de moda. De 2012 para cá, com o interesse pela estética Witchy e os anos 90, o vestido volta com tudo e hoje encontramos em variadas versões de diversas lojas alternativas, seja estrangeiras ou nacionais. 

Kill Star

Hot Topic

Hell Bunny

Disturbia: repare que o modelo esquerdo inclui o pentagrama invertido, e o modelo do meio botões de ET, duas trends alts.

Versões estampadas: Disturbia e Folter, que a estampa brilha no escuro

Kreepsville 666

 No Brasil temos a Miniminou que oferece dois tipos! Confira aqui e aqui

A popularidade atualmente é tão forte que até nos recentes desfiles internacionais Verão 2016 encontra-se o modelo. Não importa se é mainstream ou alternativo, consumidor de luxo ou não, o vestido já virou um item clássico no armário e tem para todos os gostos e estilos.

A modelo Toya Venice

Kat von D

Blogueiras Mothmouth e Kobi Jae
wednesday addams dress


Que os Addams sempre venham aí! :D



Acompanhe nossas mídias sociais:
Pinterest  Google + Tumblr Facebook Instagram

Artigo das autoras do Moda de Subculturas. Para usar trechos do texto como referência em seus sites ou trabalhos, linke o artigo do blog como respeito ao direito autoral do nosso trabalho.
  • 8Blogger Comment
  • Google+ Comment
  • Facebook Comment
  • Disqus Comment

8 Comments

  1. Ahhhh vou encomendar um com minha costureira...

    AMUH.


    http://kallyneangelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. [se foi duplicado, desculpa, pode apagar um, mas deu erro aqui e fiquei sem saber se o outro comentário foi... ^^]
    Eu acho esse modelinho muito lindo! *-*
    Se antes eu já queria um, depois de ver esse modelo da Kreepsville eu tô querendo mais ainda! Ainda não tinha visto a versão deles e agora tô apaixonada! Como faz? haha
    Adorei o post! Bem legal saber mais da história dessa peça tão icônica. ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fica difícil de escolher, né Mone? Um mais lindo do que o outro! rs A Kreepsville sempre arrasa com nossos corações, uma pena estar tão caro comprar no exterior. :P Mas no Brasil já temos versões bem legais, vide a Miniminou ;)

      Bjkas!

      Excluir
  3. I really love it. I reacently bought a top very similar to the photos and I always think of it as a "Wednesday top" :D

    ResponderExcluir
  4. Uns 3 meses atrás uma blogueira de beleza, daquelas que faz jabá e tudo o mais fez um post mostrando um vestido desses. Essa blogueira, não tem 6 meses era uma pessoa completamente normal e em outro post pouco antes ou depois do que o que eu citei veio com a velha e muito conhecida "Nunca falei, mas sempre fui gótica" e dizendo que "sempre ouviu músicas de cemitério" e colocando um clipe de uma banda de algum subgênero do metal lá como exemplo.
    As pessoas mudam e todo mundo tem esse direito, mas é completamente óbvio o que ela está fazendo, e fica até bem ridículo, na real. Fico passada vendo a vergonha que as pessoas passam e nem sabem! Essa blogueira por exemplo quer mais do que tudo parecer e "ser" "gótica" quando tudo que ela ostenta como estandartes de sua "goticidade" (rs) nem são coisas que fazem parte da subcultura, é patético. Qualquer um minimamente envolvido com a subcultura iria rir dela, até mesmo adolescentes "começando" que sabem apenas o básico, porque ela não sabe e se acha uma representante da subcultura. As roupas são apenas essa modinha da cena alternativa rasa teen de dark 90's, e obviamente o metal não é parte da subcultura gótica, apesar disso ser uma confusão que existe desde os anos 90 (mas isso é uma história muito longa e fica pra outro comentario). Alguns meses depois desses posts, a blogueira já está se vestindo como uma blogueira de moda novamente.
    Enquanto isso as pessoas que são realmente góticas são ridicularizadas por estarem "usando errado" a tendência, ou por (olha que ironia) gostarem realmente de coisas de gótico, como the cure ou passear em cemitérios. Meio fora do assunto do post, mas me lembrei disso e quis compartilhar com vocês. Toda essa história de "gótico suave" e esse sequestro de temas e do próprio termo "gótico" tem me rendido bastante chateações, e isso acontece com outras pessoas também, até passa a vontade de usar determinadas coisas por elas terem sido sequestradas e recontextualizadas numa coisa que eu (e muitas outras pessoas) não se identificam.

    ResponderExcluir
  5. Também tem na loja online e brasileira wear ever se quiserem incluir no post ;)

    ResponderExcluir
  6. Nossa, ano passado já estava na moda! Eu foi ver esse vestido só esse ano quando alguém falou para eu fazer para vender hehe

    https://blogmylittlecandy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! As respostas serão dadas aqui mesmo, então não esquece de clicar no botão "notifique-me" pra ser informada.

comments powered by Disqus
Pin It button on image hover